quarta-feira, 13 de outubro de 2010

11 Pratos Típicos Brasileiros,Conheça e Harmonize os ! (DESAFIO)

  • Veja se você acertou de quais Estados se originaram 11 receitas típicas da mesa brasileira e aproveite para enriquecer seus conhecimentos culturais.por fim de seu parecer e harmonize estes pratos com vinhos teste seus conhecimentos!
  • abraço!!!


    1 - Para começar, você sabe de onde veio a feijoada?

    São Paulo. Apesar de ter sido adotada pelo Rio de Janeiro, a iguaria é paulista e sua origem remonta dos tempos coloniais. É descendente das culinárias europeia e africana. A tradicional feijoada brasileira é feita com feijão-preto, orelha, pé e rabo de porco, paio e carne-seca. É servida com arroz, couve, torresmo, laranja e toucinho.







    2 - Você sabe qual é a origem da moqueca capixaba?

    Espírito Santo. Popular em outras regiões banhadas pelo mar, a moqueca capixaba é tida como o prato típico de seu Estado. Ao contrário da baiana, não leva azeite de dendê nem leite de coco. Para ganhar cor, o segredo é o urucum.







    3 - Você sabe qual é a origem da maniçoba?

    Pará. Este cozido é feito com folhas de maniva (ou mandioca-brava), que devem ser preparadas corretamente para perderem seu veneno. Completam a receita ingredientes usados também no preparo da feijoada, com exceção do feijão. Experimente com farinha de mandioca.




    4 - Você sabe qual é a origem do furrundu?

    Mato Grosso do Sul. Trata-se de uma sobremesa, feita com doce de mamão verde ralado, rapadura, gengibre, cravo e canela. Deu água na boca?





    5 - Você sabe qual é a origem da tapioca?

    Amazonas. Herança indígena, a tapioca é uma espécie de panqueca, feita com uma farinha especial de mandioca. Em Manaus, o recheio tradicional é o tucumã, uma fruta pequenina de gosto similar ao do amendoim.





    6 - Você sabe qual é a origem da quirera?

    Paraná. Um prato para quem precisa de sustância, como os tropeiros que cruzavam o Sul do Brasil e o criaram. É feito com costela de porco, liguiça e quirera de milho (daí o nome).





    7 - Você sabe qual é a origem do acarajé?

    Bahia. Um dos principais carros-chefe da culinária nordestina, este bolinho frito é considerado patrimônio cultural imaterial brasileiro. A massa é feita de feijão-fradinho e deve ser frita em azeite de dendê. O recheio mais comum é o vatapá.





    8 - Você sabe qual é a origem do arroz de capote?

    Piauí. Esta foi difícil, não? Pois é uma iguaria deliciosa, que leva, além de arroz, pedacinhos de galinha-d'angola (ou capote).



    9 - Você sabe qual é a origem do baião-de-dois?

    Ceará. Mais precisamente, do sertão. No entanto, é um prato bastante apreciado em todo o Nordeste brasileiro. Trata-se de um arroz com feijão bem incrementado, graças à adição de carne-seca, coentro e queijo de coalho.





    10 - Você sabe qual é a origem do bambá de couve?

    Minas Gerais. Apesar de menos popular que a canja, é uma sopa bastante saborosa. Seus ingredientes são fubá, couve e linguiça. Ideal para esquentar o corpo nas noites frias.

     COMO SOU PARANAENSE VAI AI O MEU PRATO TIPICO!


    O barreado ou carne barreada é um prato típico do litoral paranaense, sendo o mais tradicional do estado.
    Sua origem é açoriana de um ritual de 300 anos ainda seguido no preparo do prato. A origem é atribuída aos portugueses que vieram para o litoral do Paraná no século XVIII. Os registros antigos indicam a Ilha de Guaraqueçaba como a disseminadora da receita. O tempero do prato seguiu junto com outras manifestações culturais para o continente, entre elas o fandango, dança de tamancos ao som da rabeca.
    A simplicidade na preparação do prato garantiu que a receita fosse mantida com os mesmos ingredientes e características. Uma das suas características é que mesmo requentado mantém o seu sabor. Durante os dias de festa do fandango, o prato era reaquecido a cada refeição. O sabor não se perde, pois o caldo grosso que se forma é que mantém o sabor da carne.
    O prato consiste em uma carne cozida, servida com arroz e farinha de mandioca. O segredo na preparação é o tempo de cozimento na panela de barro - cerca de vinte horas - o suficiente para desfiar toda a carne. Depois de cozida, as fibras da carne se soltam resultando em um caldo grosso e saboroso. Para manter o sabor da carne, é preciso vedar a panela com uma massa de farinha e água, um barro preparado para manter o vapor dentro da panela.
    Tradicionalmente o prato é acompanhado de frutas: bananas (com banana o gosto se completa) e laranjas. A cachaça de banana pode ser servida como aperitivo. Como entrada ao prato principal, pode ser servido o bolinho de barreado (bolinho frito recheado com banana amassada e a carne do barreado).
    Os locais tradicionais do Estado do Paraná onde encontra-se com facilidade o barreado são as cidades de MorretesAntonina e Paranaguá.
    O Barreado servido nos restaurantes de Morretes é servido por pessoa.


Nenhum comentário:

Postar um comentário