Recent Posts

domingo, 20 de abril de 2014

Homenagem Malbec Wine Day 17 de Abril



Em sua primeira edição em Londrina , o Malbec Day foi celebrado na Século Bebidas, a uva francesa que se tornou símbolo da Argentina. é homenageada pelo Wines of Argentina, órgão responsável pela divulgação dos vinhos do país, o Malbec Day é formado por uma série de eventos culturais simultâneos em 44 países pelo mundo e e na Século contamos com um publico seleto de apenas 17 lugares preenchidos com antecipação, por clientes e amigos.

Como tudo começou

Domingo Faustino Sarmiento
O intelectual argentino Domingo Faustino Sarmiento teve grande influência na transformação da indústria vitivinícola argentina e foi a pedido dele que as primeiras espécies de malbec chegaram ao país, vindas do Chile. Mais tarde, Sarmento foi o sétimo presidente do país e a malbec se tornou a mais conhecida varietal argentina.



Vinhos da Noite
Para o Welcome drink com nossos clientes, selecionamos o Belasco de Baquedano Rosa de Malbec Espumoso Brut Nature, uma bela surpresa, como muitos bons espumantes, era fresco e com boa estrutura, afinal nascera de um Malbec, o que diferenciava era a Coloração Salmão casca de cebola, quase um Provence tênue, sabor carregado de frutas vermelhas maduras, fresco e de leve amargor que chegava a implorar um belisco, mas o que realmente nos marcou foi o respeito da garrafa extremamente translucida (Vidro Branco) o que não é comum em espumantes, isso demonstrou o respeito do produtor com o seu enófilo, pois possibilita acompanhar a cor do do produto, e para fechar o pacote da bebericagem, era safrado "2013" , jovem e delicioso !

O Menu foi todo idealizado pelo Chef Taico e Nosso Enólogo Alcioni Dümes, e se você está curioso para saber se deu certo, confira !

Para entrada foi escolhido um Rosé de Malbec, o Vinho foi o Punto Final Rosé de Malbec 2013, Intenso Rosado, em cor & sabor, Um rosado para comida, sem dúvida, com taninos presentes "Isso mesmo taninos" e implorando uma entrada de textura, aliamos uma Mozzarella de Búfala, com tomates sweet grape e geleia de Malbec, pense em uma combinação que colocou á todos o pensamento de " Nossa se está é a entrada imagine o que tem, por vir ", o VINHO,

Punto Final Malbec Rosé 2013

Tom rosado partindo para o cereja. É um  típico  novo mundo, levemente encorpado e tem aromas de frutas vermelhas esfaqueadas na hora(rs), com um leve mineral e um fundo bem vegetal. A acidez é Pinicante, deixando-o muito bom de beber, é um vinho rose de acompanhamento, esqueça a piscina. Bom final de boca. Para peixes como truta, pescada amarela, congrio rosa e salmão na brasa ou também carnes brancas leves, como o peito de frango. 

Como Nosso jantar era todo focado em homenagear a uva malbec, e temos o prazer de termos como clientes a confraria Argentina de Londrina, Fomos a mais alguns Beliscos, Emanadas Saltenhas de Carne, que responsabilidade ein Taico ?, vamos ao próximo vinho,




Antis Malbec 2011

A tradição vinícola da Antis Wines já atingiu a terceira geração, com vinhas de  Malbec de mais de 90 anos. Estão localizados em Maipú e Lujan de Cuyo, na província de Mendoza, em altitudes que variam de 800 ao 1.050 metros. Os vinhedos de Lujan de Cuyo são irrigados por um sistema de inundação de água do degelo dos Andes. Já os vinhedos de Maipú contam com irrigação controlada por gotejamento. 
Os rótulos são obras da artista Midori Curtis, japonesa nascida em Kobe e que foi para Nova York após formar-se em artes em Tókio.

Aromas de boa intensidade, de um frutado delicado e predominância floral. O nariz já indicava sua riqueza, que se confirmou em boca. Taninos doces e boa acidez, com destaque para uso moderado de madeira. Equilbrado e simples em boca.
Final mediano, com boa fruta em companhia do floral sentido nos aromas. Enfim, um vinho leve de malbec que se encaixou perfeitamente as empanas, redondo, sem defeitos, com boa relação qualidade x prazer. 



Agora a coisa ficou séria, Couscous Marroquino e Paleta de cordeiro ao vinho de Malbec, Brilhou demais ao  ser acompanhado deste Malbec da Achaval Ferrer, absolutamente um grande concorrenteao melhor da noite, um vinho que já estava pronto, vamos ao vinho, ops a Achaval, depois vinho,

A Achaval Ferrer foi fundada em 1998 no distrito de Perdriel, região de Luján de Cuyo (província de Mendoza), por seis amigos sonhadores e apaixonados por vinho. Dois princípios fundamentais regem os objetivos dessa bodega: a busca pela qualidade em todos os seus vinhos e o respeito pelo terroir.

A direção técnica foi assumida pelo sócio italiano Roberto Cipresso, um dos mais respeitados e requisitados enólogos do mundo na atualidade.

Achaval Ferrer Malbec Mendoza 2011

Com notas amadeiradas no aroma, este malbec possui sabor de futas compotadas e forte presença de goiabas maduras, foi perfeito com o Cordeiro, que estava no ponto certo (de soltar do osso sozinho) e liberando o colágenano, que era todos removido de forma deliciosa do paladar pelos seu taninos uniformes e bem distribuídos,. É produzido nas quentes terras mendocinas, pelo talentoso enólogo italiano Roberto Cipresso, o mesmo que assina os vinho do Galvão Bueno.

Estrela da noite degustada em foco, sem prato !

Achaval Ferrrer Finca Mirador, 1 hora de Decantação !
Eleito pelo livro “Decorchados” o melhor tinto Argentino de 2009.
Segundo a Wine Spectator o vinho tem um aroma estonteante, de violetas, figo e framboesa. Seu sabor é soberano e com muita fruta. Final longo e marcante. Finca Mirador  envelheceu 18 meses em barricas de carvalho.  Um vinho poderoso que pode ser guardado por 10 anos. Comercializado nos Estados Unidos por 80 dólares, Mirador é um vinho “experimento” da Achaval Ferrer, que tem procurado ampliar seu nível de qualidade neste Terroir.




Fechando com Vinho de Ouro, Antracita Malbec Ice 

Ice Wine é o vinho produzido a partir de uvas congeladas pela neve ainda nos vinhedos. O açúcar e outros compostos sólidos da uva não congelam, mas a água sim. Esse processo natural torna a uva ainda mais doce. Sua doçura é refrescante, equilibrada pela acidez elevada. Mas esse nome “Ice Wine” não significa você precise servir gelado. Ao contrário, ele deve ser degustado entre 16ºC e 18ºC.

História

O primeiro Ice Wine foi resultado de um acidente, em 1794 na Alemanha. A lenda diz que o proprietário de um vinhedo alemão estava fora da cidade na época da colheita. Após seu retorno, ele e sua equipe decidiram buscar e processar as uvas de qualquer maneira, mesmo congeladas. O resultado foi o um vinho extraordinariamente doce e agradável. Esta variedade permaneceu secreta da Alemanha até 1962, quando foi produzido comercialmente em toda a Europa.

O Vinho,

Para finalizar o este evento, foi servido um cupcake de doce de leite argentino, tudo acompanhado do Antracita que é um vinho de sobremesa feito com a colheita tardia da uva malbec. Após sua elaboração amadurece durante dois anos em barris novos de carvalho francês. Quando degustado apresentou cor violeta profundo. No nariz era nítido o aroma de passa de Ameixas e Tamaras, estando bem integrado com aqueles conferidos pelo repouso de 24 meses em barris de carvalho. Na boca era bastante macio, tendo perfeito equilíbrio entre acidez e doçura. Em momento algum pareceu enjoativo. Sem dúvida alguma fechou com chave de ouro nosso Malbec Day, um grande abraço aos clientes e amigos e aguardem a próxima Armonización, foi show !




5 comentários:

  1. Fantástico!....esperamos pela próxima!

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Noite especial , muitos bons vinhos e excelentes pratos . Muito bom post Daniel, meus parabéns.

    ResponderExcluir